Arquivo para futebol

A ética de José Serra

Posted in Atitude, Atualidades, Comentário, Eleições, Esporte, Notícias, Opinião, Política with tags , , , , on 26/03/2012 by Carlos Baltazar

Deu o resultado esperado. E também se não desse ia ser na bronca mesmo. Não duvido dos métodos que o PSDB usa, sempre tão parecidos com os do PT. Serra veio para tentar reverter uma situação perdida. O sujeito que renunciou à São Paulo uma vez e disse que sua assinatura não valia no papel em que a desenhou. Seu compromisso e sua promessa de ficar até o último dia administrando a cidade e cumprindo o mandato que a cidade lhe deu de nada valia. A questão ética disso tudo é: será que Serra possui ética suficiente para ser prefeito desta cidade. Acabamos de ter um Kassab totalmente voltado aos seus interesses, e que por pouco não nos entrega ao PT por uns míseros trocados. Essa é a ética de Serra/Kassab/PT/PSDB. De nada adiantam discursos de ética, democracia e balelas idênticas. A prática é comum e mostra a verdadeira face oculta. Em 2014 veremos essas mesmas figuras de hoje nos palanques pedindo o seu voto. Não se engane. Eu, cansei de ser enganado. Eu quero ética, honestidade, sinceridade e José Serra não pode mais me oferecer isso.

 Circo de horrores

A briga ontem entre corinthianos e palmeirenses foi o triste retrato das torcidas uniformizadas. Repletas de marginais, traficantes, ladrões e bandidos de toda ordem, inclusive os de grife, essas pessoas afrontam a ordem pública sem o menor pudor ou consciência. Animais uniformizados com a cor vermelha do sangue de inocentes e idiotas iguais a esses. É preciso que a polícia entre com tudo no meio desses desertores sociais e quebre sua espinha dorsal o mais breve possível. E acho que uma medida mais do que urgente seria proibir a torcida nos estádios por pelo menos dez jogos seguidos. Simples assim. Asfixia o clube, a torcida, os dirigentes, as tevês, até que as pessoas tenham uma atitude decente e humana ao torcer para seu clube(grande bosta). Vamos ver o que a FPF, o Ministério Público e a Polícia vão fazer.

Bye Massa

Felipe Massa perdeu ontem definitivamente seu posto na Ferrari. Ele pode até não sair agora, ou mesmo antes do fim do ano, mas ontem ele perdeu e disse adeus à sua vaga na escuderia. É bom começar a contatar outras equipes. Massa perdeu tudo naquele acidente e herdou o azar astronômico de Barrichelo. Não adianta mais torcer. Felipe acabou, não pode ser mais um corredor de Fórmula 1, perdeu o que mede seu tamanho no cockpit: a capacidade de vencer. Surpreendeu Fernando Alonso defender seu companheiro. Mas melhor um inútil do que outro melhor cutucando sua barata.

p.s.: não basta dizer que é honesto e ético, precisa mostrar que é de maneira muito clara.

Anúncios

Ricardo Nazário Lula Sanches

Posted in Atualidades, Comentário, Denúncia, Eleições, Esporte, Mídia, Notícias, Opinião, Política with tags , , , , , , on 01/03/2012 by Carlos Baltazar

Essa é a turma que quer ficar ainda mais rica com a copa do mundo no Brasil. Analfabetos e corruptos, os três últimos defendem Ricardo Teixeira com a própria vida, a fim de que este lhes dê uma boa bolada. É aquela história de “ladrão que rouba ladrão…”. É vergonhoso o pântano de corrupção que se instalou neste país. A velha máxima do “levar vantagem em tudo, certo?” foi turbinado com a chegada do LuloPeTismo ao poder. A sanha de arrecadação, e que não é tributária, é algo assombroso. A família Lula da Silva coleciona bens que ninguém possui noção do tamanho. Alguns em nome de outros, inclusive. Lula, como sempre, ao lado dos corruptos. Sarney, Renan, Jucá e tantos, e agora Ricardo Teixeira. Com o compadrato de Ronaldo Nazário, vulgo o gordo, Andrés Sanches, aquele polido e culto senhor do Corinthians e outros seres ainda menores. É uma vergonha, diria Boris Casoy, que foi demitido da Record por atacar o petista cigano, a pedido do mesmo. Todos esses agora vendem interesses. Quanto custa? Não sei. Pergunta pro Juca, ele deve ter uma idéia. Ronaldo abdicou dos travestis para se dedicar aos deficientes de caráter. Andrés deixou o Corinthians para se dedicar ao seu plano de substituir Ricardo Teixeira, nem que para isso tenha de vender plásticos a preço de banana. E Lula, o grande corintiano, incentivador do Fielzão, homenageado pela escola de samba gaviões, PCC e comitiva, que aceita qualquer negócio para fazer negócio. Lula ligou para Ricardo Teixeira e pediu para que ele não renunciasse à CBF, por todas as acusações de corrupção que está sofrendo. Lula sabe o que fala. Sofreu enormes e provadas acusações de corrupção e foi covardemente deixado de lado. Reviveu e tornou-se um mito. Este é o seu país, seus líderes, sua gente. Ordinários, como eles só.

p.s.: quando aqui conseguirem mapear a conexão política-futebol-crime, muito bonachão que se passa por honesto vai ficar na marca do pênalti...

Podemos começar ?

Posted in Arte, Atualidades, Comentário, Eleições, Esporte, Mídia, Notícias, Opinião, Política, Religião with tags , , , , on 22/02/2012 by Carlos Baltazar

Bem, acabou o carnaval. O ano começa agora. O Brasil agora é obrigado a trabalhar. Agora vai ser só futebol, Ricardo Teixeira, Ronaldo Gordo, Carlos Nuzman, enfim, a turminha que vai se deliciando com os recursos públicos à vontade em suas contas bancárias externas. Isso é Brasil, falta de caráter e decência. Na política, o Arcebispo de Ribeirão Preto, que dista 313 quilômetros da capital, criticou a ação da polícia na cracolândia. Que tal cuidar um pouco mais da cidade que o entroniza, já que lá o índice de viciados é tão alarmante que centenas de jovens morrem por problemas de drogas todos os meses. Será que por lá existem as clínicas de apoio que ele diz não haver aqui? Mas acho que não é preciso adivinhar qual sua tendência política ou seu partido. E a Dilma, começou o ano levando paulada dos militares por conta dos discursos arcaicos, medíocres e sem propósito das ministras dos direitos humanos, mulheres(sic) e o do próprio PT, que sempre quando chega época de eleição inicia seus discurso de democracia, igualdade social e resgate histórico do período de administração militar no Brasil. É incrível ouvir que eles foram os responsáveis pela volta da democracia, já que se não fossem anistiados estariam ainda escondidos nos aparelhos com medo de serem mortos. Sua covardia consistia em iludir o povo para sua idéia de nação comunista, com direitos iguais, sem propriedades privadas, com o controle do estado sobre todas as coisas e mentes.  Tal qual é cuba há anos e por isso sua derrocada econômica, social, política, moral e humana. O discurso petista é igual ao do ditador cubano que diz que suas prostitutas possuem nível universitário ao invés de dizer que as mulheres universitárias são obrigadas a se prostituir para poder sobreviver. Essa é a visão petista de ser. Essa ministra das mulheres(sic) aprendeu a se auto-abortar em cuba, e quer ensinar isso aqui. Vejam o nível. A outra dos direitos humanos diz que a Comissão da Verdade(sic) alcançará os violadores de direitos humanos e que os tirará da lei da anistia, ou seja, para que servem as leis, não é verdade? Esse é o jeito petista corrupto de ser. E a escola de samba Gaviões da Fiel que foi usada, e não se queixou disso, pelo ex-ditador Lulla para fazer mais fama em São Paulo? O petismo não se conforma que tanto Estado quanto Prefeitura não está em suas mãos. Porque São Paulo conhece o PT desde a época da dona Luiza Erundina que já no primeiro instante como prefeito fez de São Paulo sua Caruaru. Uma vez que se fosse fazer política lá na terra dela não duraria muito tempo viva. Mas acho que já temos bastantes problemas e corrupção pela frente para nos preocupar. Vamos colocar a escola na avenida e por a bola em jogo. Enfim começa o jogo.

p.s.: notícias dão conta do fim do chavismo…

Ronaldo, o fenômeno

Posted in Atitude, Atualidades, Comentário, Esporte, Mídia, Notícias, Opinião with tags , , on 08/06/2011 by Carlos Baltazar

Aqueles que puderam ver Pelé jogando tiveram o privilégio de ver um gênio em ação. Jogou muito, falou muita besteira, deixou de reconhecer uma filha bastarda, o que ficou muito feio e manchou sua vida e seu caráter, sem dúvida. Ronaldo foi o moleque que surgiu, soube aparecer, planejou sua carreira e está colhendo os frutos dela. Apareceu com mulheres, travestis e até na zona e saiu ileso. Ontem se despediu da torcida e nós dele, com emoção, toda a emoção que ele proporcionou ao Brasil durante sua carreira. Foi moleque sim, mas superou obstáculos como um gigante, por isso possui todo o direito em deixar um exemplo positivo. E que venha Neymar. Começou moleque querendo ser arrogante com seu salário e encontrou pela frente o oitavo mais rico do mundo. Espero que tenha aprendido a lição. O Brasil espera por sua atuação. E de hoje me diante vamos nos acostumar a ver Ronaldo fora das linhas dos gramados.

p.s.: Só espero que ele não se contamine com os métodos de negócios dos cartolas da CBF e outros de mesmo carater.

Brasil X Brasil

Posted in Atualidades, Comentário, Esporte, Notícias, Opinião, Política with tags , , , on 30/06/2010 by Carlos Baltazar

Apesar de várias reuniões de trabalho, da vitória do Brasil por 3 a 0 no Chile, da despedida de Portugal pela sem graça Espanha, consegui um tempinho para poder dizer algo sobre as últimas notícias. Nada mais fresco do que a escolha do vice de Serra. E a gente já começa a ver os ataques governistas ao moço que mal acaba de chegar. Apenas comparando os vices, eu diria que vale a pena dar uma olhada lá nos porões do porto de Santos para saber quem é na verdade Michel Temer…

E já que estamos falando hoje ocasionalmente de política, acredito que passada essa fase futebolística as coisas passem a ficar mais claras. Acho importante que as propostas sejam colocadas dessa maneira, sem meias intenções ou verdades. As pessoas precisam saber exatamente as propostas de cada um dos candidatos, não só seu passado, suas realizações. Vivemos de futuro, é isso que importa às pessoas. Vários programas e ações de governo que estão em andamento precisam ser melhoradas, senão continuarão a ser camaradagem governamental. É preciso que os candidatos digam que Brasil eles querem construir junto conosco. É preciso proximidade, falar direto. Estamos aguardando menos personalismos e mais propostas de governo, mas propostas explicadas, mostradas em todas as suas nuançes, sem medo. Se é para melhorar, dentro de uma lógica coerente, todos irão entender, a não ser os analfabetos políticos do PT que vivem sem razão política há muito tempo, junto com seu séquito de seguidores anencéfalos…

p.s.: o discurso democrático e infantilmente honesto com que os petralhas nos ousam dizer está tão vermelho de vergonha que salta aos olhos…

Esses moços, pobres moços…

Posted in Atualidades, Opinião, Sexo with tags , , , on 17/11/2009 by Carlos Baltazar

Há tempos o comportamento feminino tem chamado a minha atenção. Salvo honrosas exceções (quando era garoto as exceções eram somente a mãe e a irmã), as mulheres têm pautado por um comportamento que se classificaria com reprovável na escala social que deveríamos almejar. Primeiro as mulheres estão perdendo sua característica mais importante que é a feminilidade. Sem isso a mulher é um homem sem, digamos, pinto. A graça da mulher sempre foi sua delicadeza, suas formas, seu comportamento. Hoje a mulher se comporta como um homem. Bebe cerveja, fala besteira, topa qualquer parada, querendo dessa forma estar mais próxima dos homens. Ocorre que as mulheres não são boa companhia para beber, nem para assistir a um futebol e muito menos para falar de outras de sua espécie, por que nós não falamos de cabelo, celulite, maquiagem…nós falamos de peitos, pernas, bundas, com ou sem celulite! Me perdoem as modernas, mas mulher jogando bola, lutando boxe ou discutindo futebol…não dá. O padrão de comportamento das adolescentes e meninas é absurdo. E o que elas não sabem é que os meninos não estão nem aí, eles só querem é diversão, e depois tome foto na internet. Perdoem-me os cientistas sociais, antropólogos, psicólogos, pedagogos, professores(nossa!) e outros doutos conhecedores sociais, mas essas crianças-adolescentes não possuem maturidade física, muito menos psicológica para viver a plenitude de uma vida afetiva e sexual completa. Trepar é fácil, o problema são as relações humanas decorrentes e que causam seqüelas irreparáveis. Os desvios comportamentais promovidos e incentivados pelas falanges da esquerda, sob o pretexto de liberdade e direitos individuais, vêm fomentando a ruptura familiar, moral, espiritual e pessoal íntima. E isso não é discurso TFP ou Opus Dei, mas uma experiência intensa com jovens e suas angústias, seus tropeços, erros e derrotas.

p.s.: ah!…se soubessem o que eu sei…

Máfia Lusa

Posted in Atitude, Opinião, Política with tags , , on 25/09/2009 by Carlos Baltazar

Destino é algo que não se escolhe. Time de futebol, às vezes, também. Desde pequeno acompanhei meu pai aos estádios para assistir aos jogos da gloriosa Portuguesa de Desportos. Acostumei então a ver os “carcamanos” portugueses detonando tudo e todos, pois a ignorância, e não a burrice, imperava. Antigamente os times eram representantes de colônias: italianos e seu palmeiras, espanhóis e seu corinthians, são paulo e os árabes e os portugueses com a lusa. Hoje isso mudou, os clubes desvencilharam-se de suas origens e passaram a ter uma identidade própria, menos a portuguesa. Sua torcida é retrógrada, seu clube está carcomido, sua diretoria sempre foi amadora, por consequência o seu futebol é a mais sofrível atividade que alguém pode assistir num fim-de-semana ou em qualquer outro dia. A decadência é galopante e acabou num trágico fato semanas atrás em que um grupo de “torcedores” entrou nos vestiários para intimidar técnico e jogadores, como se pudessem realizar o impossível. É preciso livrar a portuguesa dos portugueses. Salvem a portuguesa, tirem os ignorantes bigodudos cheirando a bacalhau do Canindé. Fiquem em suas padarias, seus mercados, suas bancas de feira, sei lá, mas deixem a nossa Lusa em paz.

lusa

 

 

 

 

 

 

p.s.: assim como homens, times fazem-se com seriedade e honestidade.